Histórico

Dia 15 de Agosto começa a Quaresma de São Miguel Arcanjo, uma oração que tem se espalhado entre os católicos a cada ano que passa. Apesar de muito antiga (conta-se que eram os franciscanos que a rezavam), somente agora com o surgimento de meios de comunicação católicos e das mídias sociais, esta oração ganhou força e graças a Deus hoje muitos jovens, adultos e até famílias inteiras se reúnem para rezá-la.

Miguel (em hebraico:       (Micha’el ou Mîkhā’ēl; em grego: Μιχαήλ, Mikhaḗl; em latim: Michael ou Míchaël; em árabe: لي  ئاخيم, Mīkhā’īl) é um arcanjo. Em hebraico, Miguel significa mi-“quem”, ke-“como”, El-“deus”, o que é tradicionalmente interpretado como uma pergunta retórica: “Quem é como Deus?” (em latim: Quis ut Deus?), para a qual se espera uma resposta negativa, e que implica que “ninguém” é como Deus. Assim, Miguel é reinterpretado como um símbolo de humildade perante Deus. No Antigo Testamento, Miguel é mencionado três vezes no Livro de Daniel, uma como um “grande príncipe que defende as crianças do seu povo”. A ideia de Miguel como um advogado de defesa dos judeus se tornou tão prevalente que, a despeito da proibição rabínica contra se apelar aos anjos como intermediários entre Deus e seu povo, Miguel acabou tomando um lugar importante na liturgia judaica.

No Novo Testamento, Miguel lidera os exércitos de Deus contra as forças de Satã no Apocalipse, onde, durante a guerra no céu, ele o derrota. Na Epístola de Judas, Miguel é citado especificamente como “arcanjo”. Os santuários cristãos em honra a Miguel começaram a aparecer no século IV, quando ele era percebido como um anjo de cura, e, com o tempo, como protetor e líder do exército de Deus contra as forças do mal. Já no século VI, a devoção a São Miguel já havia se espalhado tanto no oriente quanto no ocidente. Com o passar dos anos, as doutrinas sobre ele começaram a se diferenciar. E até hoje, temos esse belíssimo costume de consagrar nossas vidas a São Miguel.

O que precisamos para rezar a Quaresma de São Miguel?

A primeira coisa a fazer e não encarar a Quaresma como uma oração supersticiosa, mas como uma poderosa oração de libertação, sobretudo dos pecados e vícios. Antes de começar a Quaresma, analise os propósitos que estão te levando a fazer esta Quaresma, e possível, ao longo dela busque a confissão.

1. O Altar – Na Quaresma de São Miguel Arcanjo, costuma-se fazer um pequeno altarou oratório com a imagem de Arcanjo (pode ser uma foto também) e se possível no momento da oração acenda uma vela (que simboliza a luz de Cristo).

 2. Jejuns e penitências – Durante o período desta oração (40 dias), é indicado que cadapessoa faça uma penitência (abster-se de algo de comer, do cigarro, da bebida, ou até da televisão) e buscar o jejum ao menos às sextas-feiras, dia que a Igreja aconselha a prática.

A Quaresma de São Miguel Arcanjo tem 40 dias e pode ser rezada durante todo o ano, porém é de costume rezá-la de forma especial do dia 15 de agosto, até o dia 29 de setembro participando da Santa Missa na Festa de São Miguel.

Etapas da oração

Embora não seja uma regra, sugere-se que a Quaresma seja dividida em quatro etapas de dez dias, onde em cada uma delas, colocamos alguns pedidos especiais, para nós e toda a humanidade.

Nos dez primeiros dias da quaresma, rezamos por toda cura e libertação de todos os vícios que nós ou nossos familiares possuímos, sejam eles de dependência química (álcool, drogas, cigarros) ou vícios de jogos, de compulsividade (para comprar, comer);

Na segunda etapa da quaresma, rezamos além das nossas intenções particulares, também por toda a cura e libertação de maldições em nossas pontes de gerações, como: desordens sexuais, adultério, roubo, alcoolismo, perseguições, divórcios, abortos, mortes repentinas, idolatrias (entre outros).

Na terceira etapa da quaresma, rezamos por toda libertação de malefícios a agouros que possam ter atingido nossas vidas e nossos negócios como também sua profissão e estudos: dificuldades financeiras, perdas, insucessos, invejas, ciúmes, trapaças.

Na etapa final da quaresma, rezamos por toda cura e libertação física e espiritual: doenças psíquicas como: transtorno bipolar, esquizofrenia, síndrome do pânico, doenças físicas como: dores na coluna, enxaquecas, anemias, desmaios, bronquites, asmas, alergias e outros.

Como rezar a Quaresma de São Miguel Arcanjo

Fazer o sinal da cruz

Rezar a oração inicial “Pequeno Exorcismo do Papa Leão XIII”

Rezar a Ladainha de São Miguel Arcanjo

Fazer o pedido de uma graça a ser alcançada

 Oração Inicial:

São Miguel Arcanjo, defendei-nos no combate, sede o nosso refúgio contra a maldade e as ciladas do demônio. Ordene-lhe Deus, instantemente o pedimos, e vós, príncipe da milícia celeste, pela virtude divina, precipitai ao inferno a Satanás e a todos os espíritos malignos, que andam pelo mundo para perder as almas. Amém.

Sacratíssimo Coração de Jesus tende piedade de nós! (3x)

 

Ladainha de São Miguel Arcanjo

• Senhor, tende piedade de nós.

• Jesus Cristo, tende piedade de nós.

• Senhor, tende piedade de nós.

• Jesus Cristo, ouvi-nos.

• Jesus Cristo, atendei-nos.

• Pai Celeste, que sois Deus, tende piedade de nós.

• Filho, Redentor do Mundo, que sois Deus, tende piedade de nós.

• Espírito Santo, que sois Deus, tende piedade de nós.

• Trindade Santa, que sois um único Deus, tende piedade de nós.

• Santa Maria, Rainha dos Anjos, rogai por nós.

• São Miguel, rogai por nós.

• São Miguel, cheio da graça de Deus, rogai por nós.

• São Miguel, perfeito adorador do Verbo Divino, rogai por nós. São Miguel, coroado de honra e de glória, rogai por nós.

• São Miguel, poderosíssimo Príncipe dos exércitos do Senhor, rogai por nós.

• São Miguel, porta-estandarte da Santíssima Trindade, rogai por nós.

• São Miguel, guardião do Paraíso, rogai por nós.

• São Miguel, guia e consolador do povo israelita, rogai por nós.

• São Miguel, esplendor e fortaleza da Igreja militante, rogai por nós.

• São Miguel, honra e alegria da Igreja triunfante, rogai por nós.

• São Miguel, Luz dos Anjos, rogai por nós.

• São Miguel, baluarte dos Cristãos, rogai por nós.

• São Miguel, força daqueles que combatem pelo estandarte da Cruz, rogai por nós.

• São Miguel, luz e confiança das almas no último momento da vida, rogai por nós.

• São Miguel, socorro muito certo, rogai por nós.

• São Miguel, nosso auxílio em todas as adversidades, rogai por nós.

• São Miguel, arauto da sentença eterna, rogai por nós.

• São Miguel, consolador das almas que estão no Purgatório, rogai por nós.

• São Miguel, a quem o Senhor incumbiu de receber as almas que estão no Purgatório, rogai por nós.

• São Miguel, nosso Príncipe, rogai por nós.

• São Miguel, nosso Advogado, rogai por nós.

• Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, atendei-nos.

• Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, tende piedade de nós.

• Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo, tende piedade de nós.

• Rogai por nós, ó glorioso São Miguel, Príncipe da Igreja de Cristo, para que sejamos dignos de Suas promessas.

 Oração:

Senhor Jesus, santificai-nos, por uma bênção sempre nova, e concedei-nos, pela intercessão de São Miguel, esta sabedoria que nos ensina a ajuntar riquezas do Céu e a trocar os bens do tempo pelos da eternidade. Vós que viveis e reinais em todos os séculos dos séculos. Amém.

• Um Pai Nosso em honra de São Gabriel.

• Um Pai Nosso em honra de São Miguel Arcanjo.

• Um Pai Nosso em honra de São Rafael.

Gloriosíssimo São Miguel, chefe e príncipe dos exércitos celestes, fiel guardião das almas, vencedor dos espíritos rebeldes, amado da casa de Deus, nosso admirável guia depois de Cristo; vós, cuja excelência e virtudes são eminentíssimas, dignai-vos livrar-nos de todos os males, nós todos que recorremos a vós com confiança, e fazei pela vossa incomparável proteção, que adiantemos cada dia mais na fidelidade em servir a Deus.

Rogai por nós, ó bem-aventurado São Miguel, príncipe da Igreja de Cristo.

Para que sejamos dignos de suas promessas.

 Oração:

Deus, todo poderoso e eterno, que por um prodígio de bondade e misericórdia para a salvação dos homens, escolhestes para príncipe de Vossa Igreja o gloriosíssimo Arcanjo São Miguel, tornai-nos dignos, nós vo-lo pedimos, de sermos preservados de todos os nossos inimigos, a fim de que na hora da nossa morte nenhum deles nos possa inquietar, mas que nos seja dado de sermos introduzidos por ele na presença da Vossa poderosa e augusta Majestade, pelos merecimentos de Jesus Cristo, Nosso Senhor.

 Consagração a São Miguel Arcanjo

Ó Príncipe nobilíssimo dos Anjos, valoroso guerreiro do Altíssimo, zeloso defensor da glória do Senhor, terror dos espíritos rebeldes, amor e delícia de todos os Anjos justos, meu diletíssimo Arcanjo São Miguel, desejando eu fazer parte do número dos vossos devotos e servos, a vós hoje me consagro, me dou e me ofereço e ponho-me a mim próprio, a minha família e tudo o que me pertence, debaixo da vossa poderosíssima proteção. É pequena a oferta do meu serviço, sendo como sou um miserável pecador, mas vós engrandecereis o afeto do meu coração; recordai-vos que de hoje em diante estou debaixo do vosso sustento e deveis assistir-me em toda a minha vida e obter-me o perdão dos meus muitos e graves pecados, a graça da amar a Deus de todo coração, ao meu querido Salvador Jesus Cristo e a minha Mãe Maria Santíssima, obtende-me aqueles auxílios que me são necessários para obter a coroa da eterna glória. Defendei-me dos inimigos da alma, especialmente na hora da morte. Vinde, ó príncipe gloriosíssimo, assistir-me na última luta e com a vossa arma poderosa lançai para longe, precipitando nos abismos do inferno, aquele anjo quebrador de promessas e soberbo que um dia prostrastes no combate no Céu. São Miguel Arcanjo, defendei-nos no combate para que não pereçamos no supremo juízo. Amém.